Beleza

28/07/2015 11h45

Poções de charme e cura

Produtos caseiros aliam princípios voltados à saúde, beleza e consciência ambiental. Faça em casa você também!

Por Nanda Barreto/Nosso Bem Estar

viperagp/dollarphotoclub/BE
Po%c3%a7%c3%b5es de charme

Saiba como nutrientes, vitaminas, antioxidantes e conservantes 100% naturais podem alinhar saúde, beleza e ser ecologicamente correto :)

A oferta é vasta e ao gosto do freguês: cremes rejuvenescedores, xampus para os mais variados tipos de cabelos, sabonetes disto, pomadas daquilo. Com apelos publicitários milagrosos, amparados na imagem de superstars, a indústria de cosméticos não para de crescer.  No frisson pela eterna juventude, poucos se questionam sobre a qualidade por trás da propaganda. Será que esses produtos realmente trazem benefícios para a nossa saúde?

A resposta a essa pergunta pode ser encontrada em uma norma básica da cosmética natural: não deveríamos usar na cútis nada que não possa ser ingerido pela boca. Embora pouco praticada, essa é uma regra bastante lógica, afinal, a pele é o maior órgão do corpo humano!

Quando se deu conta disso, em 2005, a aromaterapeuta e instrutora de yoga e massagem ayurvédica Cida Munchen, 62, resolveu fazer ela mesma os produtos terapêuticos para uso pessoal e familiar. “Usei o conhecimento ayurvédico e aromaterápico para aliar saúde e beleza”, resume.

Atualmente, Cida apresenta seus produtos em feiras e eventos do ramo. “Também tenho um projeto de oficinas em que ensino a fazer os produtos que vendo para pessoas que queiram produzir para si, seus familiares e também ter uma renda alternativa, se for o caso.”

Base científica aliada à intuição
A filósofa, terapeuta e instrutora de yoga Tainá Artuso, 33, também começou fazendo experimentos para um grupo seleto de amigos e familiares. “Desde criança me interesso por plantas medicinais. Com o caminhar, comecei a dar oficinas e foi em 2013, quando iniciei a formação de terapias ayurvédicas, que vi o poder medicinal e comercial que toda essa matéria-prima tem”, ressalta.

Utilizando métodos caseiros de extração de princípios ativos de plantas, Tainá conquistou diversos clientes que ─ literalmente ─ sentiram na pele os benefícios da linha Pradhana (naturalpradhana.wix.com/pradhana). “Um produto artesanal e totalmente natural é feito basicamente por amor e vontade de curar o outro. Podemos colocar nossas intenções e cuidados, e usar a intuição para criar um produto único e original, com as propriedades das medicinas locais”, sustenta.


Linha Pradhana
 

Sabedoria ancestral
O uso de plantas medicinais destinado à beleza e à cura é intrínseco à humanidade. Todas as civilizações, em todos os continentes, desenvolveram a domesticação de plantas para utilizar suas virtudes terapêuticas. Está na Bíblia: “O Senhor fez a terra produzir os medicamentos: o homem sensato não os despreza”, recomenda o Eclesiástico 38,4.

É esse aspecto alquímico, com um que de bruxaria, que mais atrai a doula e bioarquiteta Lívia Braga Teixeira, 32. “Os feitios que preparo são concebidos para a cura, para trabalhar o corpo, a mente e o espírito. São gestados num lugar de paz e vão amadurecendo junto com a intenção e o estudo de cada elemento. Nascem  ao som de música, de mantras, de cantos e reza”, detalha.

Após um longo ─ e contínuo ─ período de estudos e criações, Lívia atualmente mantém o espaço terapêutico Caverna Sagrada (https://www.facebook.com/cavernasagrada), um laboratório para suas poções. Mãe há dois anos, ela também desenvolveu uma série de artigos para bebês. “Minha filha usa o que faço desde que nasceu. Tem óleo de massagem, anestésico para nascimento de dente, xampu, protetor solar, pomada para assadura… Fiz um sabonete de leite materno que ficou como um afago na hora do banho!”, celebra.                                          

Bonito por fora
Verdade seja dita: a gente cresce o olho para a embalagem e raramente lê os contra-rótulos. No entanto, se déssemos atenção às letras mais miúdas, descobriríamos que grande parte dos produtos de beleza e higiene pessoal utilizam aditivos químicos nocivos à saúde. Talvez os mais conhecidos deles sejam os parabenos ─ compostos químicos normalmente utilizados como conservantes.

Encontrados facilmente em maquiagens, desodorantes, hidratantes, loções, esmaltes, loções infantis, produtos para o cabelo, perfumes e cremes de barbear, os parabenos geram muita polêmica quanto ao seu uso, especialmente pela discussão sobre seus efeitos tóxicos e carcinogênico (causam câncer). 
 

Parabenos: fique de olho!
No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) estabeleceu limites de concentração de parabeno em produtos cosméticos. O parabeno interfere no nosso sistema endócrino ─ formado pelo conjunto de glândulas responsáveis pela produção dos hormônios que são lançados no sangue e percorrem o corpo até chegar aos órgãos-alvo sobre os quais atuam. O parabeno possui uma atividade estrogênica ─ por conta disso ele é considerado um desregulador endócrino. Portanto, informe-se e fique de olho nas embalagens.


Experimente!
As alquimistas entrevistadas nesta matéria abriram uma parte dos seus livros de receitas para compartilhar conosco. Aventure-se e experimente! Confira o passo a passo.

> Aromatizador de ambientes para o inverno
Por Cida Munchen

Ingredientes:

Vidro spray cor âmbar
Álcool de cereais
Água deionizada
Óleos essenciais de:
Eucalipo glóbulos (Eucalyptus globulus
Limão siciliano (Citrus media limonum)

Modo de preparo (100 ml)

Junte 40g do óleo essencial em uma solução de 60ml de água deionizada e 40ml de álcool de cereais.
Faça com os dois óleos, 20 gotas de cada, ou escolha um deles e use 40 gotas.
Use sempre que achar necessário!


> Xampu Herbal
Por Tainá Artuso

Ferva 2 litros de água com 2 colheres de sopa de alecrim seco por 5 minutos.

Adicione 2 colheres de sopa de hortelã e desligue. Tampe e deixe em decocção por 20 minutos. Coe. Neste chá ainda quente, dissolva 200g de sabão de coco (feito com óleo de coco ou babaçu) cortado em pedaços pequenos. Adicione 1 ou mais óleos essenciais das ervas adicionadas. Misture bem e deixe esfriar para verificar a consistência: se estiver muito espesso, adicione mais chá ou água fervida. Transfira para um frasco.

 

> Óleo para aliviar dores do crescimento dos dentes dos bebês. Fungicida, bactericida e antisséptico
Por Lívia Braga Teixeira

Ingredientes:
30ml óleo de coco
3 gotas de óleo essencial de cravo
2 gotas de óleo essencial melaleuca (tea tree)

Modo de preparo:
Misture tudo e coloque em um conta-gotas; quando solidificar no frio, aqueça entre as mãos. Pingue uma gota no dedo limpo e esfregue na gengiva da cria. Pode ser aplicado com uma fraldinha limpa também. Use toda vez que sentir a irritação da criança.

X