Saúde Integral

30/11/2017 08h15

Marmita do Bem!

Conheça formas de deixar sua marmita mais saudável e se alimente bem, onde você estiver.

Por Nosso Bem Estar

Pixabay | Depositphotos
M23 marmita salada pote 0816 1400x800

Marmita 100% saudável

Você faz algumas refeições fora de casa? Não consegue se alimentar de forma adequada, porque almoça no trabalho? Isso não é desculpa! Conheça maneiras de deixar sua marmita mais saudável.

Hábito saudável sempre

Não é porque você almoça no trabalho que não vai se alimentar direito! É possível manter o hábito saudável onde você estiver.

Ao levar marmita para o serviço, você economiza dinheiro e pode comer o que gosta, sem se deslocar para restaurantes. E não é muito difícil montar um prato saudável e gostoso, como você vai comprovar abaixo.

Salada é indispensável

Montar uma porção de salada em sua marmita é fundamental.  As verduras são ricas em fibras, que promovem saciedade e auxiliam a digestão. Elas também são fonte de vitaminas.

Para que a salada não murche, leve-a em um recipiente separado ou adquira uma marmita com divisórias. O tempero deve ser acrescentado somente na hora da refeição. Dê preferência para molhos caseiros, feitos com ingredientes naturais.

Todos os grupos alimentares

Para montar uma marmita mais saudável e equilibrada, é importante incluir todos os grupos alimentares nela, ou seja, além das verduras e legumes, inclua porções de carboidratos e proteínas. Você pode optar por arroz, macarrão ou batata, por exemplo, que são fontes de carboidratos, complementando o recipiente com uma proteína (carne, frango ou peixe).

Atente-se para o “ou”, isto é, apenas um componente de cada grupo alimentar na marmita.

Grelhado ou assado

As proteínas (carne, frango ou peixe) podem ser fritas, mas o mais indicado é assar ou grelhar. Isso porque a fritura é mais calórica e menos saudável, já que o óleo é incorporado no alimento.

Além disso, as frituras não apresentam o mesmo gosto e aparência quando são aquecidas. Então, a dica é assar, cozinhar ou grelhar a carne. E a dica vale para todos os alimentos.

Atenção à quantidade

Quando almoçamos em casa ou no restaurante, é possível repetir a porção. Isso não acontece quando se come na marmita. Muitas pessoas cometem o erro de exagerar na quantidade de alimento, para não passar fome ou vontade de repetir.

Isso é cilada! A marmita não pode transbordar de alimento, mesmo que sua capacidade comporte uma grande quantidade de comida. O ideal é colocar quatro colheres (sopa) de arroz, uma concha de feijão, uma concha de legumes e um grelhado ou assado pequeno.

A bebida ideal

Se você não tem tempo de preparar o suco em casa, mas possui liquidificador no refeitório, pode levar a polpa congelada e tomar uma bebida fresquinha da mesma forma.

Lanchinhos para os intervalos

Nesses lanches, coma salada de frutas, sucos, iogurte, pãezinhos, biscoitos ou porções de nozes. Prefira tudo o mais natural possível, de preferência alimentos integrais.

Cuidado com a conservação

Durante o trajeto, carregue tudo em uma bolsa térmica. Assim que chegar ao trabalho, coloque as embalagens na geladeira.

Além disso, sugerimos levar sempre ingredientes frescos e recém-preparados. Viu só, agora você não tem motivos para reclamar ou sair da dieta!

X